Canal Içara

Canal Içara

15 de outubro de 2019 - 04:22
Derrota do Criciúma é marcada por desorganização tática
21/09/2019 às 03:10 | Erik Borges - erik.borges@canalicara.com
O Criciúma foi derrotado por 1x0 pelo Atlético/GO, em pleno estádio Heriberto Hülse. A derrota do tricolor Sul-catarinense foi marcada por um jogo fraco tecnicamente e uma equipe desorganizada ao ponto de não conseguir construir jogadas ofensivas trabalhadas com competência. O gol foi anotado logo aos 10 minutos da primeira etapa. E durante toda a partida, o Tigre demonstrou muita dificuldade em desenvolver as jogadas. Um time atrapalhado, sem saber o que fazer com a bola no pé.

Embora tenha finalizado mais vezes a gol e tenha mais posse de bola, o Criciúma foi derrotado no placar. E isso deixa o time em situação ainda mais delicada na tabela de classificação da Série B do Brasileiro. O Tigre se mantém com 23 pontos e figura entre os últimos colocados, na zona de rebaixamento. O próximo adversário do Criciúma é o Guarani/SP, às 19h15 desta terça-feira, dia 24, no estádio Brinco de Ouro.



Por desorganização em campo, Criciúma perde para o América/MG
10/09/2019 às 23:46 | Erik Borges - erik.borges@canalicara.com
O Criciúma perdeu por 2x1 para o América/MG, na noite desta terça-feira, dia 10, no estádio Independência. A partida contou com falhas de posicionamento e acompanhamento das jogadas por parte dos jogadores do Criciúma nos gols sofridos. No primeiro gol (anotado pelo time mineiro), o Criciúma literalmente assistiu o atleta Matheusinho penetrar no sistema defensivo tricolor e mandar um chute certeiro no gol. O lateral não acompanhou, o volante não conteve e os zagueiros não cobriram e o América/MG abriu o placar.

No segundo gol, o Tigre novamente apresentou falha de posicionamento e acompanhamento na jogada. Matheusinho chutou livre, dentro da pequena área e aumentou a vantagem no placar. O Criciúma melhorou no segundo tempo. Contou com mais posse de bola e conseguiu diminuir a vantagem do América no placar, com gol de Léo Gamalho.

Após o gol, o Criciúma se manteve vivo no jogo e buscou as ofensivas através de bola parada e bolas alçadas na área. Porém, o tricolor Sul-catarinense não teve organização suficiente para empatar a partida. Por falta de organização, o Criciúma não conseguiu imprimir uma forte pressão nos minutos finais de jogo e ainda acabou com um jogador a menos. Isso porque a equipe sofreu contra-ataque e o goleiro Luiz acabou realizando falta no adversário e recebeu cartão vermelho, aos 45 minutos da segunda etapa.

Com o resultado, o Criciúma se mantém com 23 pontos na tabela de classificação da Série B do Campeonato Brasileiro, com a zona de rebaixamento assombrando o time. O próximo jogo ocorre contra o Atlético/GO, no dia 20 deste mês, às 19h15, no estádio Heriberto Hülse.


Superior no jogo, Criciúma empata com a Ponte Preta
04/09/2019 às 01:52 | Erik Borges - erik.borges@canalicara.com
O Criciúma empatou em 0x0 com a Ponte Preta, na noite desta terça-feira, dia 3, no estádio Heriberto Hülse. Com o resultado, o sinal de alerta para a zona de rebaixamento acende novamente. O time está próximo do Z4 e esse ponto conquistado em casa não é suficiente para dar fôlego ao clube na competição. Além disso, o próximo adversário é o América/MG, fora de casa, na Arena Independência.

Fazer o dever de casa é necessário para que o Criciúma faça uma campanha segura na Série B do Campeonato Brasileiro. E quando isso não ocorre, o risco de rebaixamento sempre se mantém.

O jogo
No primeiro tempo, o Criciúma foi superior em campo. Teve mais posse de bola e mais volume de jogo. A Ponte Preta se manteve cautelosa e não se jogou para cima do Criciúma. Jogando em casa, o time mandante adotou uma postura ofensiva, com três atacantes e ditando o ritmo do jogo.

Na segunda etapa, a intensidade do jogo aumentou e o Tigre pressionou ainda mais. Com 20 chutes (5 no gol), o Tigre pressionou através de bolas alçadas na área que resultavam em cabeceios e finalizações. Além disso, as jogadas de escanteio levaram perigo à meta adversária. O goleiro da Ponte Preta (Ygor Vinhas) teve brilhante atuação. Realizou defesas de dificuldade elevada e salvou a Ponte Preta em diversas oportunidades.

O Criciúma merecia a vitória, mas empatou. Resultado insatisfatório que deixa o Tigre em situação delicada na tabela de classificação da Série B. Já são dois jogos sem balançar as redes adversárias.


Criciúma resiste às ofensivas do Cuiabá e empata sem gols
31/08/2019 às 00:07 | Erik Borges - erik.borges@canalicara.com
O Criciúma empatou em 0x0 com o Cuiabá/MT, na noite desta sexta-feira, dia 30, na Arena Pantanal. Válido pela primeira rodada do returno (21ª rodada), o jogo contou com o domínio do time de Mato Grosso. Principalmente na primeira etapa. O goleiro Bruno Grassi foi bastante exigido na partida e se mostrou muito seguro na baliza. Fez uma partida excelente.

Já o restante do sistema defensivo tricolor Sul-catarinense deixou a desejar em diversas oportunidades. Em algumas ocasiões, a zaga se mostrou desatenta e os laterais não conseguiam acompanhar as investidas dos jogadores de beirada de campo do adversário. Isso fez com que o Cuiabá/MT chegasse com perigo excessivamente. O Criciúma poderia sair de campo goleado.

Na segunda etapa, o Criciúma melhorou um pouco e conseguiu chegar ao ataque com mais frequência. Além disso, as jogadas de bola parada foram fundamentais para que o Tigre pudesse criar chances reais de gol. A chance mais clara foi em jogada pela beirada de campo. No lance, o atacante Reis cortou para o meio e bateu de perna esquerda. A bola passou perto da trave e o Tigre quase conseguiu abrir o placar.

Mas, de modo geral, o empate é importante para a campanha do Tigre na Série B do Campeonato Brasileiro. Além disso, dada a superioridade do Cuiabá durante a maior parte do jogo, a igualdade no placar fica de bom tamanho para o time catarinense. O próximo adversário do Criciúma é a Ponte Preta, nesta terça-feira, dia 3, no estádio Heriberto Hülse. A partida é válida pela 21ª rodada da competição.


De virada, Criciúma vence e sai da zona de rebaixamento
28/08/2019 às 01:18 | Erik Borges - erik.borges@canalicara.com
O Criciúma venceu o Oeste/SP por 3x1, na noite desta terça-feira, dia 27, no estádio Heriberto Hülse. A partida válida pela 19ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro fez com que o Tigre saísse da zona de rebaixamento. O Tigre chega a 21 pontos e encerra o turno fora do Z4. Os gols do jogo foram anotados por Mazinho (Oeste/SP), Léo Gamalho, Cléber Reis (contra) e Foguinho.

O primeiro tempo foi de muita cautela entre as equipes. Os dois times marcaram muito e o jogo ficou truncado, com poucas chances claras de gol. O time do Oeste sempre tentando escapar em velocidade, enquanto o Criciúma tocava a bola lateralmente buscando a melhor maneira de penetrar no campo ofensivo e criar chances de gol. Mas quem abriu o placar foi o time paulista, de pênalti. A partir daí o Criciúma poderia ter sofrido até mais gols. Em diversos cruzamentos, o ataque do Oeste se sobressaia e se posicionava melhor que a zaga adversária para o cabeceio no gol.

O goleiro Luiz precisou defender algumas cabeçadas, porque a marcação não foi eficiente para impedir os cabeceios do time adversário. Além disso, na metade do primeiro tempo, o pênalti convertido pelo Oeste fez com que o Tigre tivesse que partir para o ataque imediatamente. Mas não foi isso que aconteceu. O Tigre continuou com dificuldades de criação, o jogo continuou difícil para o Criciúma. Porém, após lindo chute de longe, Foguinho empatou o jogo.

O Tigre foi para o intervalo com o empate. Muito melhor ir para o vestiário com o resultado igualado ao adversário. Isso traz mais leveza e tranquilidade aos jogadores. Mas eles sabiam que o empate não era bom resultado para o Tigre e buscaram a vitória. De pênalti, Léo Gamalho converteu e deixou o Tigre em vantagem no placar. Mas antes disso, o Criciúma já estava fazendo por merecer a vitória.

O time se impôs, colcou velocidade em campo e pressionou o time paulista durante boa parte do segundo tempo. O Criciúma se mostrou um time com muita vontade de vencer e conseguiu. Já aos 40 minutos da segunda etapa, um cruzamento de Carlos Eduardo resultou em bola desviada no zagueiro adversário e 3x1 no placar. Vitória merecida que faz o Tigre encerrar o primeiro turno fora da zona de rebaixamento. O próximo adversário é o Cuiabá, às 21h30 de sexta-feira, dia 30, na Arena Pantanal.


*Erik Borges Vieira é jornalista e torcedor do Criciúma Esporte Clube