Canal Içara

Canal Içara

13 de outubro de 2019 - 20:29
Para Sempre, de Kim e Krickitt Carpente
12/01/2017 às 11:00 | Maristela Benedet - maristela.benedet@canalicara.com
Era 1993. E um certo dia, no intuito de pesquisar jaquetas para a equipe, Kim Carpente ligou para uma loja de produtos esportivos em outro estado americano e não conseguiu mais esquecer da jovem simpática vendedora. Foi a voz macia e doce de Krickitt que conquistou o coração do treinador de beisebol da Universidade Highlands.

Após dois meses de conversas diárias pelo telefone eles se encontram e, apaixonados em menos de um ano marcaram casamento. Vencido os desafios da distância geográfica e da mudança da vendedora, em 24 de novembro de 1993, dois meses após o casamento, a vida lhes deu a prova mais dolorida de fé e união ao casal.

Após um grave acidente, Krickitt perdeu parcialmente a memória, esqueceu de Kim e do casamento deles. Com paciência e carinho, o marido não desistiu de lutar e encontrou caminhos para conquistar mais uma vez o grande amor da sua vida. A história é narrada no livro Para Sempre, de Kim Carpenter e Krickitt Carpente.


Quarto, o mundo para o menino Jack
08/12/2016 às 11:00 | Maristela Benedet - maristela.benedet@canalicara.com
O quarto é o único mundo conhecido pelo menino Jack. Aos cincos anos ele nasceu e está crescendo neste espaço onde cabe todas as coisas importantes para ser feliz. Sua mãe foi raptada na rua aos 19 anos pelo velho Nick e aprisionada neste minúsculo local em condições miseráveis. O nascimento de Jack resgatou na Mãe a esperança para continuar a viver. Quarto, de Emma Donoghue, é uma história comovente, best seller no New York Times.

Motivada pelo amor incondicional ao filho, a prisão é transformada em um lar com brincadeiras e regras. Ela ensinou Jack a comer, tomar banho, conhecer as palavras e os números, a fazer educação física e se encantar com os desenhos da televisão. Para o esperto menino tudo na tela mágica e o “lá fora” é fruto da fantasia e imaginação. De verdade mesmo é somente ele e a Mãe no mundo de dentro, no quarto.

No entanto, Jack está crescendo aguçado de curiosidades e perguntas. A mãe prepara o plano para escapar da prisão. Em sete anos, após várias tentativas fracassadas sabe que desta vez não pode falhar e Jack precisa ser valente para seguir as suas instruções. Com o sucesso da fuga, eles não imaginam as muitas grades que ainda terão que cortar para conquistarem a verdadeira liberdade no mundo de fora.


Ally: irmã da tempestade
10/11/2016 às 11:00 | Maristela Benedet - maristela.benedet@canalicara.com
Ally D’Aplièse sente a presença intensa de Pa Salt no escritório vazio. Ela está sozinha na casa de Genebra onde viveu a infância. Agora o lar é o oceano infinito. Ally herdou a paixão do pai e se tornou velejadora embora a música, uma paixão de menina, se faz presente na alma. Irmã da Tempestade – A história de Ally, é o segundo livro da série As Sete Irmãs, de Lucinda Riley.

Com a estranha morte de Pa, a jovem está triste e sem rumo. A pista deixada pelo pai para descobrir o passado não aguça a curiosidade dela. Porém, ao retornar ao mar com o novo namorado, uma nova tragédia provoca o desejo de buscar a sua história. Chegando à Noruega, o amor pela música volta em seu coração e ela descobre ligações com a famosa cantora Anna Landvik. Na dor e emoção, encontra um irmão, um pai e novas esperanças para seguir adiante.


As Sete Irmãs: Maia
08/09/2016 às 11:00 | Maristela Benedet - maristela.benedet@canalicara.com
Pa Salt é um rico marinheiro apaixonado pela profissão, um pai carinhoso e um homem misterioso, que, nas viagens pelo mundo adota seis meninas de lugares diferentes. Após a morte dele, todas as garotas receberam uma carta e um símbolo com pistas para conhecerem as próprias origens. Maia, a mais velha das irmãs, resiste a ideia. Mas é estimulada pela mensagem que recebeu: “Nunca deixe o medo decidir o seu destino”.

Marcada por lembranças e segredos de fortes sofrimentos na adolescência, a tradutora de livros não sente coragem para mexer em sua história. No entanto, intrigada pela frase da carta de Pa Salt e pela mensagem de um escritor brasileiro, ela deixa Genebra e segue rumo ao passado no Rio de Janeiro. A obra As Sete Irmãs – Maia, de Lucinda Riley é inspirada na mitologia das Sete Irmãs das Plêiades, um aglomerado das estrelas Maia, Ally, Star, Cece, Tiggy e Electra na constelação de Touro.


Conselhos para o "bem" das mulheres
14/07/2016 às 11:00 | Maristela Benedet - maristela.benedet@canalicara.com
Através da obra Para seu próprio bem – 150 anos de conselhos de especialistas para as mulheres, as pesquisadoras americanas Barbara Ehrenreich e Deirdre English retratam a história do século XIV ao XX e identificam a quebra de paradigmas sobre os conselhos incutidos às mulheres pela família, a medicina e a igreja. A conclusão é que, entre avanços e retrocessos, elas ainda precisam lutar pelo reconhecimento e respeito de sua identidade dentro da sociedade mesmo nos dias atuais.

A pesquisa sugere uma perspectiva sobre outro olhar da história da evolução feminina. Questiona os estereótipos e os preconceitos formulados em relação às mulheres bruxas e curandeiras na Europa e nos Estados Unidos. Em um sistema patriarcal, analisa o comportamento masculino em relação às doenças ditas femininas como o ciclo menstrual e a depressão pós-parto. E, avalia os conflitos mediante a descoberta da cura como mercadoria junto a perseguição e o extermínio das curandeiras.


*Maristela Benedet é colaboradora do Canal Içara, tem formação em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo desde 1996, atua na área e nas horas de lazer dedica-se a leitura