Canal Içara

Canal Içara

23 de agosto de 2019 - 15:25
Cotidiano » Duplicação da SC-444
Nova reunião discutirá duplicação da SC-445
06/05/2014 às 12:11 | Especial do Jornal Gazeta
Há mais de três anos, a comunidade de Içara luta pela duplicação da Rodovia Paulino Búrigo, a SC-445. Foi em meados de 2011, que a Associação Empresarial de Içara (Acii), tomou a iniciativa de discutir o assunto em audiência com a comunidade içarense e empresários, criando o Núcleo de Entidades Organizadas de Içara (Neoi). Desde então, vem sendo estudada a aprovação de um projeto apresentado pelo Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra). Projeto esse que, segundo o vereador André Mazzuchello Jucoski, o Polakinho, teve que passar por uma reformulação e não foi apresentado novamente à sociedade. O legislador ressalta que o presidente do Deinfra, Paulo Meller, se comprometeu de voltar com o projeto pronto no fim de 2013, o que não ocorreu.

“A luta pela duplicação já foi iniciada a algum tempo. Até o ano passado, o Deinfra apresentou para os vereadores e para a comunidade dois projetos. No último, foram solicitadas algumas alterações, porque os moradores não concordavam com algumas questões como o viaduto no Liri. Ficou definido então que o Deinfra refaria o projeto e apresentaria até o fim de 2013. Já estamos quase no fim do primeiro semestre de 2014 e até agora nada”, ressalta Polakinho.

Visando buscar respostas sobre o assunto, o vereador apresentou um requerimento na sessão da última quarta-feira, dia 30, solicitando uma reunião para o dia 15 deste mês. A intenção é reunir prefeito, vice, deputados estaduais, secretário regionais, Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Associação Empresarial (Acii), Associação de Jovens Empreendedores (Ajei), Núcleo de Transportes de Içara e Deinfra, para discutir o projeto. “O objetivo desse encontro é trocar ideias sobre a duplicação e buscar respostas sobre como está. O projeto está pronto? Porque não apresentaram para a comunidade? O que falta? Se não cobrarmos, o sonho da duplicação ficará cada vez mais distante”, aponta o legislador.

Pelas informações dadas pelo presidente do Deinfra, Paulo Meller, no entanto, através de sua assessoria, parece haver um desencontro de informações. Ele garantiu que o projeto já esta finalizado, foi apresentado à Prefeitura e falta apenas a definição de uma data para a realização de uma audiência pública. “O projeto já está concluído e uma nova audiência, ainda sem data prevista, deve ser marcada com a prefeitura. No mais, o Deinfra esteve em Içara apresentando para a comunidade e falta agora esse novo encontro para o novos encaminhamentos”, garante.

Para Polakinho, as questões burocráticas devem ser resolvidas o quanto antes, para que se inicie a nova etapa que é a captação de recurso. “Nesse tempo todo a luta foi pela criação de um projeto. Porque é a partir dele que poderemos solicitar recursos para iniciar a obra. Por ora, não temos nenhuma definição a esse respeito. Nessa reunião do dia 15, inclusive, eu prevejo que seja criada uma comissão que fique responsável por lutar fortemente por essa causa. Não queremos passar por cima de ninguém, mas sim auxiliar nesse processo porque a duplicação da SC-445 é uma necessidade para a nossa cidade. Hoje é vergonhoso andarmos ao longo de toda a rodovia que apresenta condições bastantes precárias e cheia de remendos. Isso tem que mudar”, finaliza.

A SC-445 está entre as mais movimentadas de Santa Catarina, sendo uma das principais do interior do Estado. Durante o verão, devido ao deslocamento dos veranistas ao Balneário Rincão, é comum ser visualizado congestionamentos. Uma previsão já foi levantada pelo Deinfra sobre o aumento do fluxo do trânsito no local. A perspectiva é de que em 2017, o tráfego diário seja de 23,4 mil veículos, crescendo 18,8% em nove anos, passando para 27,8 mil em 2026, fator que conforme relatório da Polícia Rodoviária Militar (PMRv), o número de acidentes é crescente ano a ano. No relatório do posto 14, que atende principalmente a Paulino Búrigo, em 2010 foram 678 acidentes, aumentando para 683 em 2011 e 734 em 2012. Já nos 11 primeiros meses de 2013, o número de acidentes registrados até o momento é de 618 ocorrências.

Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas