Canal Içara

Canal Içara

10 de julho de 2020 - 12:46
Esportes »
Conselho discute o futuro da gestão do Criciúma EC
26/05/2020 às 16:51 | Com informações da assessoria do Criciúma EC
Divulgação [Criciúma EC]
A Mesa Diretora do Conselho Deliberativo do Criciúma Esporte Clube realizou na tarde desta terça-feira, dia 26, no uso das prerrogativas dos artigos 90 e 91 do Estatuto Social, que lhe faculta a convocação do Conselho Consultivo composto pelo presidente e ex-presidentes do Conselho Deliberativo e presidente e ex-presidentes do clube, uma reunião através de videoconferência, por conta dos cuidados com a saúde durante a pandemia do novo coronavírus, afim de receber opiniões e discutir o futuro da gestão do clube após o distrato da G.A. ao final da temporada 2020.

Presencialmente, no auditório do escritório Albert Zilli dos Santos Advogados Associados, no bairro Milanese, em Criciúma, estiveram o presidente do Conselho Deliberativo, Carlos Henrique Alamini, o presidente clube, Jaime Dal Farra, o diretor jurídico do Conselho Deliberativo, Edemar Soratto, assim como o primeiro secretário Wanderlei Barbosa de Souza. Os ex-presidentes do clube, Milton Carvalho, Voimer Conti e Guido Burigo, representando o ex-presidente Moacir Fernandes, e do Conselho Deliberativo Renato G. Bastos, também estiveram no local.

Através de videoconferência participaram o vice-presidente do Conselho Deliberativo, Valcir José Zanette e o ex-presidente do Conselho Deliberativo Afonso Back.

Segundo Alamini, alguns modelos de gestão já estão sendo estudados e o objetivo do encontro foi de mostrar a situação atual do clube e receber opiniões dos participantes. Jaime Dal Farra se colocou à disposição para conversar com futuros interessados e realizar uma transição transparente e tranquila. O presidente do Criciúma também parabenizou o Conselho pela convocação e o debate realizado.

Os ex-presidentes discutiram sobre modelos de gestão e concordam com a viabilidade da busca por um grupo de empresários que tenham interesse em gerir o Criciúma. Um sistema presidencialista para representatividade do clube também foi colocado em pauta, sendo consenso que o modelo de gestão a ser trabalhado só poderá ser definido a partir das propostas apresentadas e submetidas a aprovação do Conselho Deliberativo.
+ Esportes
Participe também com seus comentários

últimas notícias