Canal Içara

Canal Içara

18 de novembro de 2019 - 20:37
Cotidiano » Reforma da Escola Salete Scotti dos Santos
Aulas em rodízio no Salete Scotti
22/10/2008 às 15:26 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
A cada dia, uma turma diferente não tem aula na Escola de Educação Básica Salete Scotti dos Santos. Dessa vez, o motivo não é nenhuma greve. Na verdade, o que leva os estudantes a ficarem em casa é o cumprimento de uma promessa. Desde agosto, iniciaram as obras de reforma e a construção daquele que deverá ser o maior ginásio do Estado, no Sul de Santa Catarina.

O rodízio nas aulas foi a forma encontrada para que a reforma pudesse ser realizada durante o ano letivo. Somente durante a tarde o sistema não foi implantado. Neste período, o número de salas disponíveis é suficiente para não precisar dispensar as turmas. Isto porque a sala das orientadoras e especialistas foi adaptada para as aulas. O problema está no turno vespertino e noturno.

“Tomamos o cuidado para que os alunos não faltassem sempre no mesmo dia da semana, evitando prejudicar as disciplinas”, explica a diretora da escola, Lílian Inácio da Silva. Segundo ela, até o fim do ano, cada turma terá a perda de somente quatro dias de aula.

Ao todo, 14 salas de aula passarão por reformas. Quatro delas já estão na fase final. O forro de madeira foi substituído pelo PVC. As telhas antigas deram lugar a uma cobertura nova. No chão, o taco foi trocado por cerâmica. E, das paredes, ficou somente o tijolo maciço. Todo o reboco que já estava esfarelando foi trocado por cimento. O que ainda falta é a troca da armação das janelas.

As paredes também sofrerão alteração na cor. Conforme regra normativa do Estado, a pintura da escola será feita com tinta verde, vermelha e creme, as mesmas cores que estão na bandeira de Santa Catarina. Mas, a cor oficial da escola ainda permanece o laranja. Um exemplo disso é o uniforme, que os alunos podem utilizar o modelo eleito por eles, ou vestir o material dado pelo Governo do Estado.

Em relação ao ginásio, a reivindicação pela obra é antiga. Desde a década de 80, quando o Ensino Médio foi implantado na escola, os alunos já pediam uma área esportiva coberta. Em 2004, a batalha ganhou ainda mais força. Mas, o fim dessa luta parece ter encerrado somente 20 anos após o início da luta, neste ano de 2008.

A maior quadra de Içara terá 20x40m. Com essas medidas, será possível realizar competições oficiais. Além disso, o projeto prevê uma estrutura preparada para futuras apresentações culturais. Por enquanto, somente o palco e algumas bases para as divisórias estão visíveis. A previsão é que todo o trabalho seja concluído até maio do próximo ano. Antes, o cronograma indicava o encerramento da obra em abril. Mas, por falta de material, a construção teve o início atrasado.

A primeira fase da obra corresponde a R$ 1,3 milhões. Depois, uma outra licitação será realizada para a conclusão do ginásio. “É nesta segunda etapa que as arquibancadas serão feitas”, explica Lílian. “A estrutura será toda adaptada para portadores de deficiências, incluindo mudanças no banheiro”, completa a diretora adjunta, Janir Avanir Batista. A preocupação é ampliar as formas de acesso aos pátios da escola que, atualmente, são com escadas.

CARTEIRAS: Para o próximo ano letivo, os 1,3 mil alunos da escola Salete Scotti dos Santos – a maior de Içara – terão 200 carteiras a disposição. Algumas das mesas que receberam reparos já estão guardadas. O problema é saber se este material será para acrescentar nas salas ou para realizar a troca das que, possivelmente, serão quebradas até o fim do ano.
+ Cotidiano
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas