Canal Içara

Canal Içara

20 de setembro de 2019 - 03:21
Cotidiano »
Estudante de Içara ganha prêmio nacional de redação
05/12/2006 às 12:49 | clipagem | A notícia
Os olhos verdes da catarinense Joice Zilli da Silva, dez anos, brilhavam antes da cerimônia de entrega do prêmio Escrevendo o Futuro, promovido pela Fundação Itaú Social. Antes de saber o resultado, divulgado às 19 horas de segunda-feira, a garota dizia já se sentir vitoriosa por estar ao lado de outros 20 estudantes do Brasil. Ficou ainda mais feliz quando anunciada vencedora, na categoria opiniativa, com o texto "Doce Içara com sabor amargo".

A premiação foi entregue no Memorial da América Latina, em São Paulo. Natural de Içara, no sul do estado, Joice competiu com 15 mil alunos. O prêmio, que busca estimular a leitura e a escrita, envolveu 33.449 professores e cerca de 1,6 milhão de estudantes do Brasil. Para a fase final, foram selecionados 21 inscritos.

O trabalho de Joice fez um contraponto ao fato de Içara, conhecida nacionalmente como capital do mel, viver uma polêmica, às vésperas da instalação de uma mineradora de carvão. Segundo Edina da Silva Freitas, professora de Joice, 20 alunos da quarta série da escola estadual Antonio Colonetti participaram do projeto. Os alunos foram às ruas falar com moradores, questionar sobre a instalação da empresa, visitaram uma antiga empresa do ramo e conversaram com vereadores. "Estudamos a fundo os prós e os contras da instalação."

Foram premiados também Kelli Carolina Bassani, de Toledo (PR), no gênero memórias, e Carla Marinho Xavier, de Macaé (RJ), na categoria poesia. As três estudantes foram contempladas com uma bolsa de estudos para o ensino superior. Os três professores ganharam uma bolsa para cursos de especialização/extensão. As três escolas receberão livros, dez computadores e uma impressora para o laboratório de informática.
+ Cotidiano
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas