Canal Içara

Canal Içara

26 de agosto de 2019 - 23:41
Cotidiano »
IBGE inicia pesquisa urbana e rural em Içara
17/04/2007 às 09:37 | Lucas Lemos | jornalagoraonline.com.br
F oi dada a largada nesta segunda-feira, dia 16, para a contagem da população urbana de Içara e os tipos de cultura presentes nas áreas rurais do município. A pesquisa está sendo realizada por 24 recenseadores do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que deverão percorrer mais de 149 setores de Içara.

A intenção com a pesquisa é saber ao certo o número de moradores nas cidades em que a população no último Censo não tenha passado os 170 mil habitantes, situação em que Içara se encontra, pois na última contagem do IBGE, em 2000, a cidade tinha 48,6 mil habitantes. Conforme as estimativas do instituto a quantidade de moradores no município em 2005 já passava os 55,2 mil habitantes. Além da contagem serão analisados os níveis de parentesco entre os moradores de cada residência da área urbana, a transferência de moradores para outra cidade ou a vinda deles para Içara, além de serem recolhidas informações sobre as ruas do município, onde em alguns casos no último Censo, não constavam no mapa do IBGE por terem sido criadas ou eliminadas posteriormente a 2000.

Na área rural, os agricultores serão questionados sobre o número de funcionários que a propriedade têm, quantos empregos gerados são fixos e quantos temporários, além de serem perguntadas questões sobre a economia da fazenda, a tecnologia empregada, as plantas cultivadas e os animais tratados no local para a comercialização. Independente do número de habitantes do município, todas as cidades do Brasil estarão realizando também esta pesquisa rural.

De acordo com a agente censitária municipal, responsável pela pesquisa no município, Indiara Tereza Alves, “o processo de coleta de dados nas áreas urbanas será rápido, porém nas áreas rurais o questionário de perguntas é maior e por isso necessitará de mais tempo para ser respondido”. Conforme Indiara, o questionário nas áreas rurais segue as diretrizes da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (Food and Agriculture Organization of the United Nations - FAO), onde a instituição internacional deverá utilizar os dados do IBGE para a comparação da situação agrícola com outros países que também estão levantando os mesmos dados pedidos pela organização.


APURAÇÃO DAS INFORMAÇÕES SERÁ EM 30 DIAS APÓS O ENCERRAMENTO

A coleta de dados em Içara deve acontecer até o dia 31 de julho. Cada recenseador coletará os dados necessários conforme o local da residência (rural ou urbana) através de um computador de mão, a grande novidade deste Censo. Conforme Indiara, após um setor ter todas as informações recolhidas nos computadores de mão, os dados são repassados para um dos sete agentes censitários supervisores do posto de coleta em Içara, onde serão enviados, através de uma rede interna, para a sede do IBGE no Rio de Janeiro.

A expectativa é que os dados coletados sejam divulgados para a população até o mês de agosto, um mês após todos os dados terem sido entregues à matriz do instituto.

“O Censo é fundamental para o fundo de participação dos municípios e para o Ministério do Planejamento, que através desta pesquisa conhece a situação de moradia dos brasileiros”, completa Indiara. Ela também destaca que cada pesquisador do instituto deverá estar identificado com o crachá e colete do IBGE. “Caso haja duvida se a pessoa que está lhe pedindo para realizar a pesquisa é uma das concursadas para a realização do Censo, basta ligar para o número 0800-7218181 ou para o posto de coleta de Içara, onde a checagem também pode ser feita pelo número 3444-1521”, finaliza a responsável pela pesquisa em Içara.
+ Cotidiano
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas