Canal Içara


17 de dezembro de 2017 - 09:59
Cotidiano »
A força do Bin Laden de Içara
13/08/2011 às 09:17 | Derlei Catarina De Luca - derlei.deluca@canalicara.com
Seu sonho era ter um carro, mas o dinheiro vivia curto. Por isso pensou em aproveitar o leilão de carros velhos que o estado faria. No dia certo, estava lá, na sala de leilão, quando colocaram uma carcaça vermelha, do corpo de bombeiro, no prego. Deu o lance e o carro era seu. Não tinha nem motor, mas não importava. Aos poucos, faria daquela carcaça rejeitada por todos, um carro decente.

Conteúdo relacionado:
Especiais » Histórias além das lendas contadas em Içara


Caprichou durante um ano. Colocou bancos, comprou um motor no ferro velho, arrumou portas e maçanetas. Os filhos adoraram o carro. Era diferente e os amigos riam todo o tempo ao dar uma volta nele. Saiam nas festas, trombavam e o carro seguia firme como uma rocha. Só a esposa não se atrevia a entrar no tal carro.

Emplacar não foi problema, tinha o comprovante de compra na mão, conhecia os funcionários na delegacia e logo teve a liberação. A gurizada queria batizar o carro com um nome diferente. Justo nessa época, os EUA procuravam por Bin Laden no Afeganistão. E Bin Laden resistia aos ataques, assim como o carro resistia às trombadas. Logo, todos só chamavam o carro de Bin Laden.

Haveria um jogo de futebol na Sanga Funda, onde antigamente se faziam corridas de cavalos. Preparou o Bin Laden e se mandou para o jogo. Antes, durante e depois do jogo, tomou umas e outras. Ao iniciar a volta para casa, vinha ziguezagueando. Passou por umas moças e quase as atropelou. Em tempos de telefone celular, as meninas não tiveram dúvida.

Ligaram para a Policia Militar dizendo que alguém dirigia embriagado um carro estranho parecido com o dos bombeiros e deram a orientação da estrada. Diferentemente do que pensam algumas pessoas, a Policia Militar funciona e em pouco tempo encontrou o Bin Laden, ziguezagueando, e mandou parar.

O cara estava embriagado, mas não era tanso. Sabia que a Policia não podia pegá-lo daquele jeito. Ao invés de parar, acelerou. A Polícia Militar correu atrás e foi uma corrida louca pelas ruas tranqüilas da Boa Vista. Numa curva mais fechada o carro derrapou, caiu no barranco e capotou. Bin Laden era forte e não amassou, mas o motorista se quebrou todo.

A Polícia Militar juntou o ferido e levou-o ao hospital São Donato, onde foi medicado. O soldado queria fazer o teste do bafômetro. A injeção que recebera fez efeito contrário e deixou-o valente. Começou a brigar. Na briga quebrou um dente. A Policia Militar chamou a família que o levou para casa. Na manhã seguinte queria processar o hospital São Donato.
+ Cotidiano
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas