Canal Içara

Canal Içara

10 de dezembro de 2019 - 13:07
Cotidiano » #VemPraRuaIçara
Mobilização esbanja criatividade
21/06/2013 às 21:12 - atualizada às 22h38 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
Apesar de ter uma pauta definida, o movimento #VemPraRuaIçara despertou o desejo de protesto na sociedade e absorveu diferentes causas nesta sexta-feira, dia 21. A maior mobilização já vista na cidade soma-se a tantas outras ações pacíficas em Santa Catarina com o desejo de que o povo seja ouvido. Os alertas esbanjaram criatividade para isso, inclusive, com a autorreflexão de que o eleitor deve tomar a consciência de que é a base do sistema.

A psicóloga Maria Eduarda Pacheco foi com o jaleco da profissão para a rua, colocou um nariz de palhaço e também uma cabeleira colorida. “Minha indignação é por causa do ato médico. Querem prejudicar 11 classes para restringir atividades aos médicos. Uma enfermeira, por exemplo, nem poderia entubar pacientes”, critica. “Enquanto fomos às ruas eles foram à forra: Não ao ato médico. #VetaDilma”, protestou com uma faixa à presidente da República.

Rosi Cardoso fez diferente. Usou o próprio corpo para se manifestar. “Obrigado por mudar o meu futuro”. A mensagem ela colocou no abdômen em referência a João Lucca. O garotinho deve nascer até agosto. "Nem o diabo, nem o bicho papão, nem a mula sem cabeça, nem a bruxa malvada. Os monstros são outros", complementou com um cartaz.

Saúde pública pior que a Tim. As cadeiras dos estádios são melhores que as macas dos hospitais. É tanta coisa errada que não cabe num cartaz. Os participantes apontaram diversas inversões de valores. Essa mesma indignação fez Michele de Souza sair de casa e levar o pequeno Erik, de um ano e meio, para o meio da multidão. “Acho que falta saúde e educação”, pontua.
+ Cotidiano
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas