Canal Içara

Canal Içara

03 de junho de 2020 - 18:57
Economia » Coronavírus Covid-19
E se tudo parasse novamente?
12/05/2020 às 08:20 | Deinyffer Marangoni


Nada do que foi será de novo do jeito que já foi um dia… eu não sou o Lulu Santos e muito menos abertura de novela da Rede Globo, mas esta frase faz ainda mais sentido nos dias atuais, e olha que a música é de 1983 e a novela de 2004. E com esta música, trago hoje uma reflexão: e se tudo parasse novamente?

O comércio voltou, as indústrias estão com as operações 100%, muito se fala em retomada da economia, mas pouco se fala em planejamento e transformação. O que vejo são empresas fazendo as mesmas coisas que faziam antes da crise, na verdade, um pouco pior, porque a rotina, com os dias parados, acumulou! São gestores e equipes apagando os incêndios, “correndo atrás do tempo perdido”.

Em primeiro lugar, lamento! E não é novidade para ninguém, mas o tempo não volta. Passado é passado. O que temos agora é o presente e, em breve, o futuro. Então por que insistir em correr atrás do que já perdemos, do que já passou, do que deixamos de ganhar?

Em segundo, não adianta estar no presente e executando o planejamento passado, ou pior, não estar executando planejamento algum. Os objetivos e as metas mudaram, o cenário e as necessidades dos clientes são outros. Infelizmente, no Brasil, temos uma terrível cultura de as empresas não planejar e, as que planejam, poucas são as que seguem o roteiro. Nossa cultura é de apagar o incêndio, viver atolado, tratando sempre o efeito (as consequências) e nunca as causas dos problemas.

Por fim, temos o futuro. Longe de mim ser vidente, mas é onde devemos pensar. Não é esquecer do presente, de forma alguma, mas é nos planejarmos para os cenários futuros. Eu sei que o mundo tornou-se ainda mais VUCA, ou seja, volátil, incerto, complexo e ambíguo. É difícil saber o que vai acontecer amanhã, quem dirá daqui um mês, no próximo semestre ou no próximo ano… mas temos que nos planejar para, no mínimo, três cenários futuros.

E é aqui onde quero chegar com o conteúdo de hoje. Não sabemos o que irá acontecer, mas você já parou para pensar em sua empresa e até na sua vida caso o mundo inteiro parasse novamente? Você já se fez essa pergunta? Pouco importa o tempo, se será amanhã, no final do mês ou no próximo semestre. Talvez nunca pare novamente. O que devemos considerar são os três cenários possíveis:

a) o pessimista, onde terá um novo lockdown e ninguém sabe ao certo quando voltará, bem como suas consequência;

b) o realista, onde as coisas seguirão do jeito que estão hoje, retomando a vida (digamos que) ‘normal’ aos poucos, mas não se esquecendo que tudo será diferente agora;

c) o otimista, onde tudo não passou de um susto, a economia não somente volta ao normal, como teremos um significativo aumento na qualidade de vida com todas as mudanças.

Pouco importa em qual onda você está, se é o mais otimista, se é o mais trágico, ou se vai deixando a vida levar. O importante é você saber, ou ter uma noção, “para onde correr” em cada um dos cenários bases possíveis. A coronacrise chegou de surpresa, mas seus próximos passos conseguem, ao menos, ser previsíveis. Então, pense e planeje-se!
Deinyffer Marangoni é formado em Administração, atua como executivo da Associação Empresarial de Içara e docente na Faculdade do Vale do Araranguá.
+ Economia
Participe também com seus comentários

últimas notícias