Canal Içara

Canal Içara

22 de outubro de 2019 - 19:32
Cotidiano »
Internet não é babá-eletrônica, alerta doutor Max Haetinger
03/07/2019 às 09:00 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
A Internet está cada vez mais inserida no cotidiano. Chegou pelos computadores, possibilitou uma nova forma de comunicação em aparelhos celulares e em breve conectará muito mais aparelhos e pessoas. A rede mundial abriu novos espaços para a diversão e, ao mesmo tempo, para o compartilhamento do conhecimento. Saber equilibrar é muito importante. “Tudo precisa de limites. E a Internet não está fora disso”, alerta o doutor em Ciências da Educação, Max Haetinger.

Para o professor e escritor, os limites devem ser estabelecidos desde o primeiro ano de vida.
"Ainda continuamos utilizando a Internet como fazíamos antigamente com a televisão, como uma babá eletrônica, entregando um celular para crianças de um ano e meio. Com certeza quando ela tiver cinco anos você terá uma grande dificuldade de dar limites ao uso da tecnologia”, exclama o estudioso gaúcho.

“A família tem papel fundamental. E temos que atender que tanto o papel da família quanto da escola mudaram muito neste passar dos anos. A escola tem que trabalhar mais o socioafetivo. Já as famílias, apesar de todo o tempo de trabalho, precisam valorizar os momentos com os filhos. Os pais devem abrir este espaço na agenda”, completa. Uma sugestão é promover jogos de tabuleiro, cartas e outras atividades offline. “Crianças adoram isso”, pontua.
Divulgue as atividades também de sua escola. Envie as ações pedagógicas para jornalismo@canalicara.com
+ Cotidiano
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas