Canal Içara

Canal Içara

22 de setembro de 2019 - 00:50
Cotidiano »
Paróquia São Miguel projeta reforma de salão paroquial
14/07/2018 às 12:16 | Especial do Jornal Gazeta
A reconstrução da igreja matriz da Paróquia São Miguel ainda não está oficialmente concluída. O próximo passo será a reforma no salão paroquial. “Este ano está sendo de celebração dos 45 anos de criação da paróquia São Miguel. Então diante disso, estão acontecendo uma série de momentos em celebração a esta data. E entre elas, estamos programando o início dos trabalhos de reforma do salão paroquial, que é algo muito importante, para termos um espaço melhor. É uma estrutura que precisa desta reformulação”, justifica o pároco, padre Maxssuél Mendonça.

De acordo com ele, o espaço existe há aproximadamente 30 anos e nessas três décadas somente algumas pequenas melhorias foram realizadas, tanto que a parte superior do salão é basicamente a original. “Nós estamos programando a revitalização de todo o telhado, fazer uma cozinha na parte de cima, construir novos banheiros e fazer um auditório. A estrutura ficará basicamente a mesma, mas vamos reformular o espaço”, conta o líder religioso.

Conforme o sacerdote, a obra toda está orçada em aproximadamente R$ 750 mil. Mas os recursos ainda são mínimos para este trabalho, portanto, será necessário fazer em etapas. “Os fundos da nossa paróquia vêm basicamente das festas e também do dízimo. Mas como a nossa paróquia é relativamente pequena, temos que nos programar para realizarmos os trabalhos em etapas. Começaremos e aos poucos vamos fazendo”, afirma.

Padre Maxssuél menciona que a ideia é iniciar os serviços no mês de outubro, pelo telhado, que deve demandar um valor de aproximadamente R$ 120 mil. “Estamos planejando um trabalho com telhado de zinco. É algo mais caro que um telhado habitual, mas é um investimento para não haver incômodo por muito tempo. É mais caro, mas a longo prazo é algo que compensa”, defende.

Festa do padroeiro

Conforme o líder religioso, o impulso inicial para levantar os fundos se dará com a festa de São Miguel Arcanjo. O período de novenas começa no dia 21 de julho, mas o auge dos festejos será em 30 de setembro. E, portanto, no mês seguinte à festa, iniciam as obras. “Os recursos são provenientes principalmente das famílias dizimistas e das contribuições que ocorrem com a participação nas duas festas de padroeiro que promovemos na paróquia (São Miguel, padroeiro da comunidade, e Santo Isidoro, padroeiro dos agricultores)”, reforça o pároco.

+ Cotidiano
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas