Canal Içara

Canal Içara

19 de janeiro de 2022 - 08:47
Cotidiano »
Simone Cândido: dezembro de esperança
Que nesse novo mês tenhamos a esperança renovada de dias mais alegres
04/12/2021 às 08:25 | Simone Luiz Cândido
Lucas Lemos [Canal Içara]
Iniciamos o mês de dezembro, os corações seguem com esperança de dias melhores e as cidades se enfeitam preparando-se para o Natal e ano novo. Pessoas nas ruas tentam viver um pouco do que viviam antes da pandemia. Crianças alegram-se com as decorações de Natal. Fotos com máscaras, ou com máscaras apenas baixadas em seus rostos, pois a covid 19 apenas deu uma pequena trégua. Para os adolescentes já se tem vacinação. Esses já sentem um pouco mais de segurança, enquanto as crianças menores aguardam ansiosas pelo dia em que serão imunizadas.

O comércio gera expectativa de que nesse período possa recuperar um pouco do que perderam durante a pandemia. Pessoas tentam superar a ausência dos familiares que partiram durante a pandemia. A maioria se apega na fé e assim aos poucos seguem em frente.

Avós que ficaram com seus netos pequenos fazem o possível, olhando em frente, em meio às perdas. O nascimento dos novos integrantes da família que mesmo sem a presença de sua mãe ou pai, ou ambos, trazem novo alento, renovam a esperança da família.

As dores e os sentimentos tristes gerados durante a pandemia mudaram muito a rotina das famílias. As crianças estão sob o estresse ainda, cansadas dos dias em que tinham que ficar só em casa. Adultos desenvolveram ainda mais depressão e precisamos olhar ao nosso redor, procurarmos ajudar quem está precisando de tratamento médico ou psicológico. A fé também ajuda sim. E muito. Não importa qual seja a denominação religiosa, mas é necessário tratar com profissionais especializados e se necessário tomar medicamentos.

Que nesse novo mês tenhamos esperança de dias mais alegres, que cada um de nós possa olhar para seu próximo com amor, empatia colocando-se no lugar do outro. Somos humanos tentando ser melhores sempre. Cada pessoa reage de uma forma em situações iguais ou semelhantes. Não podemos julgar o outro por ser como é. Oferecer um ombro amigo mesmo à distância, emanarmos boas vibrações para assim contagiarmos com boas energias.

Que em cada decoração natalina possamos sentir a magia do Natal, realizarmos boas ações, para assim tornarmos o mundo em que vivemos um pouco melhor.

+ Cotidiano
Participe também com seus comentários

últimas notícias