Canal Içara

Canal Içara

28 de setembro de 2021 - 00:59
Economia »
Andreia Limas: Abertura de empresas, geração de empregos e exportações em alta
07/07/2021 às 07:14 | Andreia Limas
Lucas Lemos [Canal Içara]
Pelo menos três indicadores demonstram o aquecimento da economia em Içara. O município mantém positivos os saldos relacionados à criação de empresas, à geração de empregos e ao comércio exterior. E essa tendência de alta amplia as perspectivas de um bom desempenho ao longo do ano.

Segundo os números do Mapa de Empresas, disponibilizado pelo Governo Federal com base no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), houve a abertura de 617 empresas em Içara entre janeiro e maio, contra o fechamento de 180, resultando no saldo de 437 no acumulado de 2021.

Em comparação ao ano passado, o crescimento foi de 51,21%, pois Içara registrou a criação de 433 CNPJs e a extinção de 144 no período, obtendo saldo positivo de 289 na soma dos cinco primeiros meses de 2020.

Quase 6 mil empresas

A cidade se aproxima a passos largos de ter 6 mil empresas estabelecidas. Ao fim de maio, contava com 5.976 empreendimentos em atividade, sendo 5.281 microempresas, 277 de pequeno porte e 418 entre médias e grandes, divididas por diversas atividades.

Empregos

Ainda que 3.544 CNPJs içarenses correspondam a microempreendedores individuais (MEIs), o que em geral significa apenas um empregado por empresa, no caso o próprio empregador, a ampliação de empreendimentos em atividade representa também o aumento no número de postos de trabalho oferecidos pelo mercado formal, como comprova o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged), divulgado pelo Ministério da Economia.

De acordo com os dados, em maio foram criadas 159 novas vagas com carteira assinada, desempenho que mantém Içara como a segunda maior geradora de empregos na Região Carbonífera este ano, com 937 adicionados entre janeiro e maio. A cidade fica atrás apenas de Criciúma, que adicionou 2.751 postos de trabalho formais no período – na região, o saldo acumulado no ano chega 6.054.

Recuperação

Sob o peso das restrições às atividades econômicas decorrentes da pandemia de coronavírus, entre janeiro e maio do ano passado Içara contabilizava a perda de 377 postos de trabalho formais. No entanto, a retomada a partir de junho permitiu que a cidade fechasse 2020 com 1.545 empregos adicionados.

Ainda de acordo com o Novo Caged, atualmente 19.581 pessoas trabalham com carteira assinada em Içara, o equivalente a 34,20% da população estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Balança comercial

Em relação ao comércio exterior, entre janeiro e junho o volume exportado por empresas içarenses chegou a US$ 29.859.059, enquanto as importações somaram US$ 9.566.839, resultando em superávit de US$ 20.292.220. Isso significa que o saldo aumentou 101,01% na comparação com o mesmo período de 2020, quando ficou em US$ 10.095.315.

O superávit é também o segundo maior para o primeiro semestre entre 1997 e 2021, período em que as informações são disponibilizadas pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços no sistema Comex Stat. O melhor desempenho de Içara em um primeiro semestre continua sendo o superávit de US$ 25.680.393 obtido em 2017.

Importações

Na comparação com o primeiro semestre de 2020, o volume importado teve aumento de 84,86%, passando de US$ 5.175.268 para US$ 9.566.839 entre um ano e outro. No entanto, a alta nas exportações chegou a 95,53%, indo de US$ 15.270.583 no ano passado para US$ 29.859.059 no acumulado de 2021, puxada principalmente pelos insumos para as indústrias da cerâmica, do esmalte e do vidro; mel natural; reboques e semirreboques para veículos.

Santa Catarina

Atualmente com 875.306 empresas ativas, Santa Catarina acumulou 89.906 aberturas e 28.129 fechamentos entre janeiro e maio, obtendo saldo positivo de 61.777. A geração de empregos formais também segue em alta, com o Estado criando 111,4 mil vagas de trabalho nos cinco primeiros meses do ano.

Porém, a balança comercial apresentou déficit superior a US$ 7,3 milhões no primeiro semestre. De janeiro a junho, foram US$ 4,65 milhões em exportações e US$ 11.97 milhões em importações.

Brasil

No Brasil, foram 1.733.229 CNPJs criados e 551.597 extintos entre janeiro e maio, saldo de 1.181.632 no período – o país tem um total de 17. 493. 358 empresas ativas. O emprego celetista também apresenta crescimento e completa, nos cinco meses de 2021, 1,2 milhão de novas vagas. O estoque de empregos formais no país chegou a 40.596.340 vínculos.

No comércio exterior, o Brasil registrou recordes de exportações, saldo e corrente comercial no primeiro semestre de 2021. No acumulado do ano, o volume exportado foi de US$ 136,7 bilhões – um crescimento de 35,8% sobre os seis primeiros meses de 2020. As importações acumuladas chegaram a US$ 99,2 bilhões, subindo 26,6%. Assim, o superávit acumulado ficou em US$ 37,5 bilhões, alta de 68,2%. Já a corrente de comércio chegou a US$ 236 bilhões, aumento de 31,8%.

+ Economia
Participe também com seus comentários

últimas notícias