Canal Içara

Canal Içara

24 de outubro de 2021 - 02:38
Economia »
Pop-it é o brinquedo da vez neste Dia das Crianças
28/09/2021 às 10:41 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
Lucas Lemos [Canal Içara]
Eles estão nos mais diversos formatos. Tem de unicórnio, abacaxi, coração, estão presentes até em capinhas de celular e agora nos spins. Os pop-its ganharam espaço como brinquedos anti-estresse a partir de 2020, mas tornaram-se uma febre entre crianças e adultos neste ano. Por isso, são uma das apostas para o Dia das Crianças de 2021. "Já ampliamos o estoque por causa da data", ressalta o comerciante içarense, Marcelo Bitencourt Casagrande.

Apesar de ser um fenômeno atualmente, os pop-its possuem mais de 40 anos de história. A ação de empurrar bolinhas foi criada pela Theora Design inspirada pela irmã da fundadora. Antes de morrer por câncer de mama, ela deu a ideia, que foi adaptada até chegar aos moldes de silicone e tornar-se popular nas mãos de Gaitlyn Rae, uma macaca dos Estados Unidos presente nas redes sociais e com milhares de seguidores.

Brinquedos tradicionais também em alta

Além dos pop-its, neste Dia das Crianças, marcas tradicionais também seguem como tendência para quem procura presentes fáceis de agradar. São brinquedos que já fazem parte da história infantil e que a cada ano ganham versões atualizadas para manterem as crianças ainda instigadas a novas interações ou modelos. Entre os exemplos estão as bonecas Barbie e Baby Alive, os carrinhos da Hot Wheels e também itens da linha Nerf.

Mesmo com as lojas já preparadas, a procura por presentes deve ocorrer principalmente na semana da data. Conforme a Pesquisa de Intenção de Compras realizada pela Fecomércio-SC, 67,9% dos consumidores vão escolher os itens somente com a proximidade do Dia das Criança. A pesquisa indica que os consumidores estão mais atentos aos preços neste ano: 36,9% afirmaram que será o diferencial na hora de escolher o estabelecimento.

O gasto médio neste ano foi apontado em R$ 196,82, um acréscimo de 13,80% diante do ano anterior. Considerada a inflação acumulada em 12 meses (9,68%), o resultado também é positivo (3,75%). A pesquisa aponta ainda que o comércio de rua deve ser o destino de compras da maioria dos catarinenses com 62,5%, seguido de shoppings (19,9%) e Internet (12,1%). Já a lista de presentes é liderada por brinquedos (54,2%), vestuário (25,8%) e calçado (6,8%).
+ Economia
Participe também com seus comentários

últimas notícias