Canal Içara

Canal Içara

22 de agosto de 2019 - 17:07
Economia » Parque Empresarial de Esperança
Prefeitura poderá revogar utilidade pública
17/02/2014 às 22:01 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
O decreto de utilidade pública de 200,1 hectares em Esperança poderá ser revogado parcialmente. Esta é a proposta feita pela Prefeitura Municipal para a construção de um acordo com os proprietários do imóvel. A perspectiva é que já na próxima semana as partes voltem a sentar para sentenciar, ou não, o encaminhamento. Os encaminhamentos dados até agora foram apresentados pelo vice-prefeito Sandro Giassi Serafin no encontro com promovido pela Associação Empresarial de Içara nesta segunda-feira, dia 17.

"O que oferecemos é manter o decreto de 70 hectares para a instalação das empresas que já confirmaram o interesse pela cidade. Os outros 130 hectares seriam revogados e os proprietários passariam a negociar a venda dos terrenos diretamente com as empresas que forem aprovadas pelo Conselho de Desenvolvimento Econômico", relata Sandro.

"Vamos aguardar a construção de um Plano Diretor para aquela área. Mediante ao estudo, trabalharemos o atrativo de novas empresas", também ressalta. A cidade ainda deverá ter novas áreas industriais em Poço Três e Terceira Linha. Em paralelo, já atua na montagem de infraestrutura para possibilitar a logística. Um dos projetos é prolongar a Avenida Procópio Lima até Criciúma e a Avenida Manoel Gregório Pacheco até a BR-101.

OBRAS – No primeiro encontro do Poder Público com os empresários da cidade neste ano, Sandro utilizou o espaço para enaltecer também obras estruturais em diferentes áreas. Na Saúde, por exemplo, destacou a construção de novas unidades no Liri, Raichaski, Demboski, Jardim Silvana e Primeiro de Maio. Para a mobilidade no Centro da cidade, será realizada a abertura da Rua Altamiro Guimarães até a Avenida Procópio Lima. Ainda existe a expectativa de transformar a antiga caixa de carvão em um Centro Dia do Idoso.
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas