Canal Içara

Canal Içara

16 de outubro de 2019 - 08:50
Esportes » Copa do Mundo 2014
Copa do Mundo ganha espaço na escola
12/06/2014 às 10:27 | Especial do Jornal Gazeta
Quais são as características do Brasil? Qual o tamanho de Portugal? Qual a capital dos Estados Unidos? Qual a população de Camarões? Qual a localização do Japão? Que cultura predomina na Austrália? Qual o ponto forte da economia da Argentina? Qual o regime de governo da Rússia? Que religião prevalece no Irã? Com quais países a Espanha faz fronteira? Tantas perguntas foram respondidas por alunos da escola Quintino Rizzieri, no bairro Jardim Elizabete, na manhã de quarta-feira, dia 11.

Cada turma de 1º ao 9 º ano ficou responsável pela apresentação das características de dois países. O assunto fez parte das atividades do trimestre em todas as disciplinas. “A ideia foi mostrar que a Copa não é somente futebol. Por trás dela existe uma gama de coisas. Também buscamos a paz mundial e é através disso que podemos viver sem briga”, explica a diretora Jaqueline dos Santos.

Para o estudante, Carlos Daniel, de 12 anos, do sexto ano, uma das curiosidades durante a pesquisa foi sobre a população da Bósnia-Herzegovina, que este ano estreia no Mundial. “Nem conhecia o país, fiquei sabre sobre ele no ano passado se classificaram para a Copa. Mas o que eu não sabia e que acabei impressionado foi a quantidade de pessoas que lá residem. São 4,5 milhões de habitantes. Um número muito alto para um país que é pouco conhecido”, comenta.

Os dados das seleções ficaram por conta de Guilherme Zavarize, de 13 anos, do oitavo ano. O estudante carregou a bandeira de Portugal e vestiu, inclusive, uma camisa dos lusitanos. “Embora eles tenham o melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo, acho que não conseguem, porque eles dependem muito do CR7, e para uma Copa precisa um pouco mais do que apenas isso. Também acho que há outras seleções muito mais fortes”, pontuou.

Toda a Escola Quintino Rizzieri também teve a decoração modificada e assim deve permanecer durante a realização do Mundial. “Os alunos poderão vir com as roupas nas cores verde e amarelo e adereços. O único impedimento está relacionado com o uso de instrumentos como por exemplo, a vuvuzela, devido ao barulho”, destaca Jaqueline. “Sabemos que muitos estudantes são fãs de jogadores de outros países, então se quiserem vir com camisa de outros times podem vir. Este ano não temos alunos de outros países mas já tivemos dos Estados Unidos e do Uruguai”, informou a diretora.

+ Esportes
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas