Canal Içara

Canal Içara

18 de setembro de 2019 - 20:24
Política »
Em 1976, Brasil perdia o ex-presidente JK
22/08/2014 às 16:33 | Antônio Colossi - antonio.colossi@canalicara.com
O ex-presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira morreu em 22 de agosto de 1976 ao atravessar o km 165 da Via Dutra em alta velocidade e colidir contra uma carreta às 18h40 de domingo. Ele viajava de Opala, chapa RJ-VW 9326, com o secretário particular Geraldo Ribeiro, que também teve morte instantânea. Os corpos, segundo o delegado da cidade fluminense de Engenheiro Passos, ficaram em estado irreconhecível. As identidades foram confirmadas através dos documentos encontrados.

O ex-presidente Kubitschek, que havia passado três dias em São Paulo, viajaria pela manhã de avião para o Rio. Mas no último instante resolveu viajar no próprio carro, pois pretendia visitar a fazenda de um amigo, Mário Garneiro, no estado do Rio. O motorista da carreta com chapa de Santa Catarina, Ladislau Borges, teve ferimentos generalizados e foi socorrido no posto de pronto socorro da cidade de Engenheiro Passos.

O reconhecimento do corpo do ex-presidente e do secretário foi feito oficialmente pelo secretario de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro. Só foi possível identificar Juscelino Kubitschek por causa da uma passagem aérea e a carteira de identidade número 1.633.333 expedida pelo Instituto Felix Pacheco. Juscelino Kubitschek morreu aos 73 anos. Ele foi prefeito de Belo Horizonte, deputado federal, senador e presidente da república entre 1956 e 1960.
*Antônio Colossi é jornalista formado pela Faculdade Satc em 2011. Desde 2003 teve passagens pelo canalcriciuma.com, Band FM, TV Criciúma/Canal19, RCR TV e atualmente trabalha na Rádio Eldorado AM/FM.
+ Política
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas