Canal Içara

Canal Içara

28 de setembro de 2021 - 12:44
Política » Extinção da Afasi
Juiz marca nova audiência sofre a Afasi
13/02/2009 às 16:12 | Lucas Lemos com informações de José Adílio
A busca por uma solução para o pagamento dos ex-servidores da Associação Feminina de Assistência Social (Afasi) foi prolongada. Na audiência marcada no Ministério Público do Trabalho, na tarde desta sexta-feira, dia 13, nenhum representante da prefeitura compareceu. Uma outra audiência foi marcada para o próximo dia 18, às 13h40. O prefeito Gentil Da Luz será intimado novamente para discutir o assunto.

Acesse:
» Manifestação na Câmara é adiada
» Terezinha não dará baixa nas CTPS
» Primeira dama renuncia Afasi

Mesmo sem um representante do Governo Municipal, o Juiz Federal do Trabalho José Lúcio Munhoz observou as alegações dos advogados e dos ex-trabalhadores da Afasi. Porém, não se manifestou sobre o assunto. E não deverá falar sobre o caso até que todas as partes envolvidas sejam ouvidas.

Para o prefeito, há duas possibilidades. Caso ele não dê baixa nas Carteiras de Trabalho, o município e a entidade falida poderão ser multados. Outro caminho que pode ser utilizado é a demissão oficial dos servidores da Afasi.


PREFEITURA COLOCA EM DIA O PAGAMENTO DOS EFETIVOS

Em relação aos funcionários efetivos da Prefeitura de Içara, os pagamentos já foram normalizados. No último dia 10, cerca de R$ 520 mil referentes a dezembro foram depositados para os 700 servidores que possuem piso salarial de até R$ 1,7 mil. Aos funcionários que recebem mais do que isto, o pagamento será liberado ainda no dia 28. Além da parcela atrasada, também será liberado o salário de fevereiro ainda no mês vigente.
+ Política
Participe também com seus comentários

últimas notícias