Canal Içara

Canal Içara

05 de junho de 2020 - 09:38
Política »
Vereadores realizam sessão com máscaras, luvas e votos por chamada
30/03/2020 às 19:52 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
André Dal Pont
A Câmara Municipal não promoveu votações remotas nesta segunda-feira, dia 30. Mas também não houve ocupação de todo o plenário. Munidos de luvas e máscaras, cada vereador foi chamado para registrar os votos individualmente nos computadores. Desta forma, ocorreu a aprovação da ampliação do quadro de enfermeiros para a Estratégia de Saúde da Família, a isenção da contribuição de melhorias para famílias de baixa renda e ainda o desmembramento de um empréstimo de R$ 30 milhões - já aprovado anteriormente - para a obtenção da metade no Banco do Brasil.

“Não é que eu seja contra melhorias em nossa cidade. Mas o que nós estamos vendo é o endividamento do município muito elevado. Vivemos uma situação em que a arrecadação do município irá inevitavelmente cair. A atividade econômica de Santa Catarina está muito aquém do que deveria estar, pois muitas pessoas que deveriam estar produzindo, então em casa”, justifica o voto contrário ao desmembramento do empréstimo, Israel Jorge Rabelo (MDB). Também foram contra Itamar da Silva (PP), Eduardo Michels Zata (PP) e Antônio de Mello (PL).

“Se a Prefeitura está investindo é porque tem credibilidade e condição de pagar”, rebate Valdelir Da Rolt (PSDB). “Seria uma baita sacanagem se eu votasse não. Eu não quero saber quem tem dinheiro hoje. Eu quero é dinheiro para a minha cidade”, coloca Lauro José Marques Nogueira (PT). “Todo mundo pede por pavimentação, mas tem vereador que vota contra”, pontua Pedro Mazzuchetti (MDB).
+ Política
Participe também com seus comentários

últimas notícias