Canal Içara

Canal Içara

16 de fevereiro de 2019 - 00:01
Segurança » Vinte e quatro horas na rotina dos bombeiros
Além dos afazeres da cozinha, Tina vira bombeira voluntária
04/07/2017 às 12:24 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
Lucas Lemos [Canal Içara]
Depois de três anos como cozinheira no quartel do Corpo de Bombeiros de Içara, Lucinda dos Santos Barbosa decidiu virar bombeira comunitária. Aos 46 anos, a moradora do Vila Rica, em Criciúma, chega a cumprir jornadas de até 31h. E não se cansa. “É muito bom”, garante.

“Decidi fazer o curso pela admiração ao trabalho. Estou no quartel e conheço as dificuldades do dia a dia. A família é compreensível. Eles me apoiam, pois sabem o quanto eu gosto. Tenho uma filha que deseja inclusive fazer concurso ano que vem para se tornar bombeira militar”, completa.

“Tenho os bombeiros como se fossem integrantes de minha família. Cuido como filhos. E sou retribuída por esta dedicação”, afirma. Além do quartel de Içara, Lucinda já foi cozinheira no Casep e auxiliar no Corpo de Bombeiros de Criciúma. “Vim para Içara à pedido o tenente Lemos. Não me arrependo”, pontua.
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas