Canal Içara

Canal Içara

21 de outubro de 2019 - 22:11
Segurança »
Ex-marido enfrenta júri nesta terça-feira por tentativa de homicídio com machadinha
07/10/2019 às 18:43 | Lucas Lemos | com a colaboração do TJSC
Lucas Lemos [Canal Içara]
Um homem de 45 anos vai enfrentar o júri em Içara nesta terça-feira, dia 8. O réu foi denunciado pelo crime de tentativa de homicídio por motivo torpe, além de uso de recurso que dificultou a defesa da vítima, meio cruel e também é acusado de agir sob o contexto de violência doméstica compatível a feminicídio. O caso ocorreu por volta das 17h do dia 6 de setembro de 2018. A vítima foi encontrada pela nora em meio a uma poça de sangue, conseguiu viver, mas sente dores constantes e perdeu a sensibilidade do olfato.

Conforme apresentado nos autos do processo, em tramitação sob segredo de Justiça, o ex-marido foi ao apartamento da vítima para deixar algo. A mulher o recebeu na cozinha, ofereceu café e até conversaram em volta da mesa. Em seguida, ela se levantou, foi ao quarto, abriu a gaveta da mesinha de cabeceira, pegou um cigarro, o isqueiro e, no instante em que estava agachada, sentiu uma pancada violenta na cabeça. Acordou só horas depois no hospital. Foram ao todo quatro golpes de machadinha.

Os depoimentos apontam que o homem não admitia a separação e nutria um ciúme exagerado, tanto que proibiu a vítima de trabalhar fora. A defesa do réu interpôs recurso ao Tribunal de Justiça e afirmou que não houve provas de autoria. Ao mesmo tempo, pleiteou a desclassificação do crime de tentativa de homicídio para lesão corporal grave. Para o desembargador Luiz Neri Oliveira de Souza, contudo, “caberá ao Tribunal do Júri valorar profundamente a prova e definir se existiu ou não o dolo de matar”.
+ Segurança
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas