Canal Içara

Canal Içara

12 de dezembro de 2019 - 09:16
Segurança » Caso da Criciúma Construções
Gaeco prende três pessoas preventivamente
23/04/2015 às 11:34 | com informações do MPSC
O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado cumpriu três mandados de prisão preventiva e nove de busca e apreensão referentes ao caso da Criciúma Construções na manhã desta quinta-feira, dia 23. Foram detidos o sócio-proprietário e o diretor financeiro da empresa investigada, bem como um empresário do ramo supermercadista. Os mandados de busca e apreensão foram realizadas em cinco residências e um supermercado de Criciúma, uma empresa em Morro da Fumaça e na sede da construtora em Içara.

As investigações indicam até o momento a venda de apartamentos sem a prévia incorporação imobiliária, estelionato, parcelamento irregular do solo urbano, falsidade ideológica, fraude processual, ocultação de bens provenientes de infração penal e crimes falimentares. A investigação iniciou em maio de 2014, na época, com 8,8 mil consumidores atingidos em Santa Catarina e norte do Rio Grande do Sul devido ao atraso ou paralisação de empreendimentos lançados e comercializados.
+ Segurança
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas