Canal Içara

Canal Içara

17 de outubro de 2019 - 03:19
Segurança »
Júri condena autor de tentativa de homicídio a 14 anos de reclusão
09/11/2018 às 14:47 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
Lucas Lemos [Canal Içara]
O autor de um dos últimos latrocínios provocados por grupos criminosos em Içara, Diego Neotti da Silva, vai cumprir 14 anos de reclusão devido também a uma tentativa de homicídio em Balneário Rincão. Segundo o tribunal do júri, o acusado agiu por motivo torpe devido ao desentendimento com integrantes de organização criminosa. Além disso, agiu para a corrupção de dois adolescentes no crime do dia 13 de fevereiro de 2016.

“Este Juízo tem conhecimento de que, para assegurar o domínio do mercado do tráfico de drogas no Balneário Rincão, a organização praticava homicídios contra quem oferecesse algum embaraço ao monopólio da atividade naquele território e contra quem, de alguma forma, colocasse em risco o normal desenvolvimento da atividade”, indica o juiz Fernando Dal Bó Martins. A decisão na quarta-feira, dia 7, foi registrada nesta última quinta, dia 8. O processo envolvia ainda um segundo réu, contudo, falecido durante a tramitação.

O grupo é acusado ainda pelo latrocínio da professora Ana Edwiges Colonetti, após o qual foi encontrado e preso, mas ainda não foi julgado. Dona Lila foi surpreendida por dois homens no sítio em Sanga Funda enquanto se preparava para receber familiares em 18 de dezembro de 2016. Os assaltantes invadiram a residência por volta das 6h, exigiram dinheiro, ameaçaram o esposo, atiraram contra ela e levaram o Corolla da família. O carro tomado no latrocínio estava com pouco combustível e foi abandonado na mesma manhã em Barra Velha, no Balneário Rincão.
+ Segurança
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas