Canal Içara

Canal Içara

20 de fevereiro de 2020 - 09:00
Segurança »
Médica é morta em tentativa de assalto
28/04/2015 às 08:53 | especial de Morgana Rosso e Francieli Oliveira, do Jornal da Manhã
Lucas Sabino [Jornal da Manhã]
A médica criciumense Mirella Maccarini Peruchi, 35 anos, morreu ferida com arma de fogo na Rua Senador Paulo Sarasate, no bairro Michel. Ela estava em um Mitsubishi/Pagero acompanhada pelo marido quando foi abordada por dois homens por volta das 20h30. A dupla anunciou o assalto, mas a motorista não obedeceu e seguiu, no entanto, foi atingida por disparos na cabeça. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) prestou os primeiros socorros e encaminhou a vítima ao Hospital São José já em estado grave.

Conforme a Polícia Militar, os bandidos não levaram nenhum pertence do casal. Antes desta ocorrência, o proprietário de uma caminhonete VW/Amarok foi abordado, supostamente pelos mesmos autores, mas conseguiu fugir. Em rondas pelo local, os policiais apreenderam um adolescente de 17 anos e o levaram para a Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso.

“Essa é mais uma prova de que o sistema não está funcionado”, coloca o delegado responsável pela Divisão de Furtos e Roubos da Divisão de Investigação Criminal (DIC), de Criciúma. “Estamos com o Casep (Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório) interditado, assim com a cela da delegacia e nunca existiu um Case (Centro de Atendimento Socioeducativo)”, reclama a autoridade policial.

O delegado explica que o adolescente poderá ficar até cinco dias na delegacia e que a partir de agora o caso será apresentado ao Ministério Público e caberá à Justiça decretar a prisão. “Caso o Estado não encontre vaga para a internação é mais um adolescente que poderá ser liberado”, conclui. Toda a força policial está empenhada em busca da prisão do segundo envolvido, que tem cerca de 21 anos, e cometeu vários crimes quando era adolescente.

+ Segurança
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas