Canal Içara

Canal Içara

05 de dezembro de 2021 - 10:39
Segurança »
Operação Hefesto encontra negociação de carne imprópria feita com proprietário de restaurante em Içara
Produto era fornecido sem fiscalização dos órgãos sanitários e agropecuários
06/10/2021 às 16:05 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
A Polícia Civil prendeu o sétimo alvo da Operação Hefesto na comunidade de Ilhas, em Araranguá, nesta quarta-feira, dia 6. A investigação sobre crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, receptação, furto de gado, venda de carnes sem autorização, posse e venda de armas, venda de produto veterinário falsificado e ainda a formação de uma organização criminosa pode avançar agora para a apuração de efeitos a consumidores em Içara. Isto porque, conforme o delegado Ulisses Gabriel, "uma das pessoas que fez negociação com o vendedor de carnes impróprias tem um restaurante na cidade".

A Operação Hefesto foi desencadeada em 16 de setembro pela Delegacia de Morro da Fumaça, mas as investigações se acumulam desde maio. A maioria das buscas ocorreram em um centro de tradições gaúchas no bairro Frasson, em Morro da Fumaça. Devido a manipulação sem autorização sanitária e agropecuária de equinos/mulas moídos, aproximadamente 520kg de carnes foram recolhidas para transformação em ração. Também foram apreendidas cinco armas, munições, cheques e dinheiro que resultaram no indiciamento de nove pessoas e na abertura de mais dois inquéritos, um para apurar usura pecuniária (prática de juros e outros tipos de taxas ou descontos superiores aos limites legais) e outro por lavagem de dinheiro.
+ Segurança
Participe também com seus comentários

últimas notícias