Canal Içara

Canal Içara

13 de junho de 2021 - 12:08
Cotidiano »
Hospital São Donato vai utilizar captação solar para geração de energia elétrica
04/06/2021 às 10:41 | Redação | com a colaboração de Lucas Lemos, da Inoova Comunicação
A busca constante pela sustentabilidade do Hospital São Donato está alinhada com o meio ambiente. Um dos maiores avanços nesta área deve ocorrer ainda este ano. Será a utilização da capacidade solar para a geração de energia elétrica. O projeto fotovoltaico, avaliado em R$ 1,093 milhão, já foi recebeu aval do Governo do Estado e a expectativa é que seja liberado ainda em junho pela Secretaria de Estado da Saúde.

Ao todo, o novo sistema permitirá uma geração de 323.988 kWh ao ano, a redução de quase 30% na fatura de energia - atualmente superior a R$ 40 mil/mês - e uma economia de até R$ 20,6 milhões nos próximos 25 anos. "Além da redução de custos, será uma forma de colaborar com o meio ambiente utilizando uma parte ociosa da estrutura, que é o telhado da instituição", ressalta o diretor-administrativo, Júlio César de Luca.

A captação fotovoltaica aproveitará o calor e a luz solar que incide sobre o hospital. Quanto mais as partículas de luz solar (fótons) chegarem às placas, maior será também o movimento dos elétrons e o resultado da geração. As estruturas que ficarão nos telhados serão conectadas a inversores. E assim a corrente elétrica contínua poderá ser transformada em corrente alternada para uso nos equipamentos.



A energia fotovoltaica complementa uma série de ações já realizadas pela entidade com o propósito de contribuir com o meio ambiente. O Hospital São Donato possui um controle rigoroso para a destinação correta de cada resíduo. A reciclagem de quase 500kg de papéis ao mês é realizada em parceria com a Fundação do Meio de Ambiente Içara. O óleo utilizado na cozinha também é destinado para transformação da indústria. Além disso, a iluminação segue em atualização para sistemas mais eficientes com LED.

“Todo recurso deve ser gerado e consumido com o propósito de ser sustentável. Somos uma unidade hospitalar e alguns resíduos devem ter destinação bem específica para não gerar impacto no ambiente. Também criamos a conscientização da reciclagem dos materiais compatíveis, do uso consciente dos recursos disponíveis e assim contribuímos diariamente, tanto com a preservação ambiental, quanto a promoção ampla da saúde”, indica a coordenadora do Programa de Gerenciamento de Resíduos nos Serviços de Saúde do hospital, Karla Vicente.

+ Cotidiano
Participe também com seus comentários

últimas notícias