Canal Içara


25 de setembro de 2017 - 12:22
Cotidiano »
Santa Catarina cria força tarefa contra fascíola hepática nos bovinos
13/09/2017 às 07:00 | Redação | com a colaboração de Ana Ceron, do Governo de SC
James Tavares [Governo de SC]
O Centro Universitário Barriga Verde vai contribuir na identificação e saneamento dos focos da fascíola hepática em Santa Catarina. O convênio com a Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina prevê a comunicação à Unibase e o saneamento da propriedade rural com o combate ao caramujo hospedeiro da doença.

A fascíola hepática é um parasita que compromete o fígado dos bovinos. Como o órgão é descartado no momento do abate, acaba trazendo prejuízos financeiros para os pecuaristas e frigoríficos. Normalmente, o parasita é encontrado em bovinos criados em áreas alagadas, porém, em Santa Catarina já foi registrada a doença em animais originários de outras regiões.

“A universidade está buscando a solução para um problema junto ao Cidasc. É um ato simples, mas de grande relevância. É dessa forma que crescemos”, afirma o presidente da Cidasc, Enori Barbieri. Como parte do convênio, a companhia cedeu um veículo para a Unibave. “Esses casos de zoonoses não são dispersos, e essa parceria pretende dar uma resposta para o poder público, academia e comunidade”, explica o professor Mauro Maciel Arruda.
+ Cotidiano
Participe também com seus comentários

últimas notícias