Canal Içara

Canal Içara

17 de outubro de 2019 - 05:38
Economia » Copa do Mundo 2014
Comércio fatura no pré-jogo da Seleção
13/06/2014 às 09:23 | Especial do Jornal Gazeta
O verde e amarelo que toma conta de ruas e casas fez movimentar o comércio de Içara. As últimas horas que antecederam a abertura oficial de Copa do Mundo foram de correria nas lojas especializadas. Todos em busca de bandeiras, vuvuzelas, camisetas, apitos e outros artigos do Brasil para torcer pelo país que enfrentou a Croácia. Em muitos estabelecimentos, inclusive, os estoques chegaram a ser esvaziados. A expectativa dos proprietários e também dos ambulantes, é que esse aquecimento continue.

Pelo menos é isso o que dizem os ambulantes Amadeu Gomes e Tiago Araújo. Eles são do Nordeste e viram na região Sul a oportunidade de lucrar mais. Para eles, o movimento dos dois últimos dias foi excelente e deve ser assim até o fim do campeonato. “Vamos continuar com as vendas. Mas claro que o movimento vai ser bem maior quando o Brasil estiver jogando”, relatam. Na calçada do Centro da cidade, eles dispõem de buzina, bandeira, vuvuzela e chapéu por R$ 10 e apito e bandeirinha por R$5.

A proprietária da loja Líder R$1,99, Bruna Cardoso Silveira, relata que os consumidores deixaram para fazer as compras na última hora. Ela já teve que abastecer o estoque por duas vezes. “Alguns se anteciparam, mas a grande maioria deixou para comprar ontem mesmo. Temos muitas opções super em conta para todos estarem no clima da copa”, garante. O produto mais procurado é, com certeza, a bandeira. Ela estava por R$2,99 assim como a corneta. Já a vuvuzela pode ser encontrada por R$ 4,99, a buzina por R$ 6,99 e o chapéu por R$ 3,99.

E quando se fala em Copa do Mundo, não são apenas os artigos decorativos que atraem os consumidores. Na Papelaria Otomar, o balcão estava lotado de pessoas a procura de figurinhas para completar o álbum. “Agora é o momento, eles querem completar e achar o que falta porque a copa já começou”, coloca o proprietário Marcelo Casagrande. Além das figurinhas, a papelaria aproveita o movimento para a venda também de artigos. “Os preços também estão muito bons. Temos bandeirinha a partir de R$ 0,50”, acrescenta.

Na loja Festhar, a grande procura é também pelas camisetas. De acordo com a proprietária Simone Rodrigues, o estabelecimento está com uma promoção especial para quem quer, de fato, vestir a camisa. “Temos camiseta pelo preço de R$ 12. Queremos que todos estejam vestidos de verde e amarelo. Além disso, os torcedores procuram bastante também pelas cornetas e decoração para casa em geral. Outra coisa que sai bastante é a bandeirinha de carro”, pontua. A variedade inclui bandeira a partir de R$ 5, corneta por R$4,90, óculos de R$ 1,50, apito a partir de R$ 1, bandana e lenço por R$15 e a bandeira para carro a R$ 6,90.

+ Economia
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas