Canal Içara

Canal Içara

22 de setembro de 2020 - 11:29
Economia » Sabores de Içara
Império do Rock Açaí investe em Içara para expansão da marca
03/06/2020 às 11:41 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
Um dos sabores do Norte do Brasil, o açaí virou símbolo de alimentação saudável por combater o envelhecimento, melhorar o funcionamento do intestino, fortalecer o sistema imune e regular o colesterol. Além disso, é fonte de energia, portanto, muito utilizado por esportistas. Mas o consumo vai além de quem pratica atividades físicas devido a possibilidade de misturar sabores, por exemplo, com leite em pó e creme de avelã. “São as opções que indicamos para quem não sabe o que escolher na hora de montar o copo”, indica a empreendedora Gisele Macedo.

A experiência de Gisele com o açaí começou há três anos junto com o marido Douglas Lucas Felisberto, quando tinham uma padaria em Maracajá. “Começamos a colocar açaí e vimos uma demanda. Vendemos a padaria, adquirimos um truck e iniciamos um novo negócio com um pouco da nossa identidade”, indica. O empreendimento logo ganhou um endereço físico na cidade e agora está em fase de expansão. A primeira filial do Império do Rock Açaí foi montada na Rua Anita Garibaldi, na esquina com a Rua São Donato, no centro de Içara.

“Vimos em Içara a carência de um lugar diferenciado como opção saudável na área de açaí. Por ser um mercado que sempre tem procura independente da época do ano, investimos sem medo. Fizemos uma pesquisa de mercado também e só tivemos apoio dos içarenses. Isso também nos impulsionou positivamente a não olhar pra crise e para os pontos negativos do momento atual”, acrescenta.

“Temos uma temática estilo rock´n roll, que é nossa identidade. Apostamos nisso e percebemos que a galera se identificou com nosso estilo e até quem não gostava de rock passou a gostar”, completa. Segundo Gisele, a meta ainda é que as amizades construídas com os clientes possibilitem quatro lojas próprias e posteriormente um modelo de franquia. “Já temos marca patenteada para esse projeto”, ressalta com próximas unidades em Araranguá e Criciúma já em fase de estudo.
+ Economia
Participe também com seus comentários

últimas notícias