Canal Içara

Canal Içara

22 de abril de 2019 - 09:32
Política » Royalties do lixo
Içara receberá Classe 1 mediante royalties
18/12/2013 às 23:54 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
Içara vai poder receber o lixo de Classe 1. No entanto, com restrição a materiais radiativos e explosivos. Isto acarretará também na cobrança de uma taxa de fiscalização. Estas foram as limitações colocadas em pauta nesta quarta-feira, dia 18. Os dois projetos passaram em primeira votação e precisarão ainda de um segundo turno na Câmara Municipal. Quanto a abertura para novos resíduos sólidos, será preciso esperar mais 10 dias para uma nova votação. Isto por se tratar de uma emenda à Lei Orgânica.

“Votei na mudança da lei orgânica para a recepção de lixo Classe 1 devido a viabilidade do royalties do lixo. Amarramos alguns itens de lixo que não poderão vir para o aterro. Outros poderão vir mediante a taxa”, relata o líder do Governo, Geraldo Baldissera (PT). “Foi uma construção coletiva. Os debates nestes casos são muito importantes. Existiu várias divergências e numa série de reuniões conseguimos um entendimento”, coloca Edna Benedet da Silva (PCdoB).

Os resíduos industriais depositados em Içara a partir de 2014 já renderão em torno de R$ 17,00 por tonelada. Para os resíduos residenciais, a cobrança será então a partir de 2015. Os recursos arrecadados estão estimados em R$ 60 mil ao mês. O valor ficará para o Fundo Municipal de Meio Ambiente e para estruturação da Fundação do Meio Ambiente de Içara (Fundai). O modelo de taxa foi buscado em Biguaçu em 2011. A ideia é que outros municípios com aterro também implantem a fiscalização.
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas