Canal Içara

Canal Içara

18 de outubro de 2019 - 05:37
Política » Escândalo das Cédulas
Nove testemunhas são liberadas
21/09/2011 às 18:34 - atualizada às 18h44 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
Nove dos 21 depoimentos marcados sobre o processo criminal decorrente do escândalo das cédulas foram dispensados nesta quarta-feira, dia 21. Este foi o caso de José Dionísio Cardoso. Chamado como testemunha de defesa de Pedro Deonísio Gabriel, o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Içara foi um dos primeiros nomes liberados da audiência.

Conteúdo relacionado:
Especiais » Acompanhe mais notícias sobre o escândalo das cédulas


A lista de depoentes que também não estiveram na oitiva contou ainda com o vereador Diego da Silva Vittorassi, além de Severiano Antônio Valentim, Everaldo Rosso, Juscelino Dagostim, Gildo Brígido, Edison José Adriano, Janaina Moneretto e Antônio Mendes. A liberação foi gradativa ao registro das demais testemunhas. Para quem foi mantido na relação, as perguntas variaram desde a marcação das cédulas e o posicionamento dos parlamentares até as últimas demissões na Cooperaliança.

Partes no processo como acusados, Darlan Carpes e Pedro Deonízio Gabriel acompanharam todos os depoimentos de dentro da sala. A condução do processo ficou a cargo do juiz Sérgio Renato Domingos com a participação do promotor Henrique da Rosa Ziesemer e os advogados de defesa, entre eles, Ivo Carminatti. De frente com eles ficou, por exemplo, o vereador André Mazzuchello Jucoski, o diretor da Câmara Paulo César Crescêncio e a assessora da bancada progressista Maricelda Casagrande Bitencourt.

Esta última testemunha foi questionada se iria levar as cédulas até a cooperativa de energia. Quanto a isso, negou a possibilidade. Ela foi também interrogada sobre a autoria do projeto de lei que tratava da revogação da Área de Preservação Ambiental de Santa Cruz e reduzia as atribuições da Fundação do Meio Ambiente de Içara. “Recebi o documento pronto de Acirton Costa (PMDB) e Itamar da Silva (PP) em CD”, declarou.

QUEM FOI OUVIDO? - André Mazzuchello Jucoski, Pedro Deonízio Gabriel, Darlan Carpes, Renato Brígido, Gilmar Bonifácio, Airton Ferreira, Ricardo Assis, Márcio, Paulo César Cresêncio, Maricelda Casagrande Bitencourt, Gelson Possamae e Tarcisio Lima.
+ Política
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas