Canal Içara

Canal Içara

20 de agosto de 2019 - 04:22
Política » Eleições 2016
PMDB, PSD e PT fazem 91% da coligação
04/10/2016 às 17:00 | Lucas Lemos - lucas.lemos@canalicara.com
Se o critério para a definição do colegiado de Içara for o resultado das urnas, o Partido do Movimento Democrático Brasileiro terá 66,57% de vagas. Isto significaria até 11 secretarias ou fundações municipais da cidade. A sigla obteve ao todo 16.371 votos destinados a composição da coligação de situação no Poder Legislativo.

“Fizemos o prefeito e o vice em chapa pura, elegemos a maior bancada do estado com oito vereadores e 12 dos 15 vereadores da cidade pela coligação. O partido vai garantir total autonomia para Murialdo e Sandro na montagem dos espaços aos parceiros da coligação. Vamos dar sustentação e apoio no que for necessário”, sinaliza o presidente do PMDB, Gentil Dory da Luz.

Dentro da chapa Juntos por Içara, o Partido Social Democrático ficou em segundo com 4.641 votos. O resultado correspondente a 18,87%. Neste caso, a conversão do percentual seria a três pastas. Já o Partido dos Trabalhadores garantiu o terceiro lugar com 1.421, ou seja, 5,77%. Portanto, obteria ainda uma secretaria ou fundação municipal.

Sobraria ainda uma pasta para o Partido Comunista do Brasil com 1.044 votos (4,24%) ou o Partido da Social Democracia Brasileira com 811 (3,29%). O Partido Social Cristão obteve 171 votos (0,69%), o Partido Democrático Trabalhista atingiu 121 (0,49%) e o Partido Republicano Progressista computou 11 (0,04%) no último domingo, dia 2.

Estrutura: O Governo Municipal é formado atualmente pela Secretaria de Administração; Agricultura e Desenvolvimento Rural; Articulação Estadual e Nacional; Assistência Social, Habitação, Trabalho e Renda; Educação Ciência e Tecnologia; Finanças; Indústria, Comércio e Turismo; Obras e Serviços Urbanos; Planejamento e Controle; Procuradoria; Saúde; Núcleo de Transporte e Circulação; Fundação de Esportes; Fundação de Cultura; Fundação de Meio Ambiente e Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (desconsiderado na contagem).
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas