Canal Içara

Canal Içara

26 de junho de 2019 - 05:34
Segurança »
Trânsito do Centro deverá sofrer novas alterações
31/08/2007 às 11:34 | Lucas Lemos | jornalagoraonline.com.br
A conclusão do viaduto da Anita Garibaldi sob a SC-444 deverá modificar o transito na área central da cidade. A previsão é que as alterações sejam iniciadas em outubro, após a análise da sociedade içarense.

Conforme o secretário de obras, Arnaldo Lodetti Júnior, a proposta inicial é que a rua Anita Garibaldi passe a ser de mão dupla. Com a alteração, cerca de 60 estacionamentos serão deslocados. Para comportar os carros que estacionam próximo ao centro, duas ruas devem passar a ser de mão única, com estacionamentos em 45º. Ambas ao lado do supermercado Giassi. Uma delas é a Henrique Lage, que passaria a ser somente no sentido Procópio Lima / Sete de Setembro. Do outro lado, a rua Amaro Maurício Cardoso terá o sentido oposto à Henrique Lage.

Outra alteração que também poderá acontecer, com a alteração do tráfego da Anita Garibaldi, é a instalação de um semáforo no cruzamento com a Marcos Rovaris, próximo à StarCel. O mesmo equipamento também deverá ser colocado no cruzamento da Ferrovia Tereza Cristina, com a Marcos Rovaris e a rua Vitória. “Os semáforos só não foram instalados ainda na Avenida Procópio Lima, por causa da incompatibilidade que havia entre o sistema utilizado pela ferrovia, com o da empresa que administra os equipamentos se sinalização eletrônica”, relata Lodetti. Segundo ele, os equipamentos também farão a fiscalização eletrônica, multando os veículos que passarem no sinal vermelho, ou acima da velocidade permitida. “Quando o trem passar, o sinal vermelho será acionado automaticamente”, completa.

O tráfego de ônibus também deverá ser alterado. Estes veículos não transitariam mais pela Marcos Rovaris. O acesso à rodoviária seria feito por outras ruas, como a Getúlio Vargas e a Vitória. “Nossa proposta é também modificarmos o sentido da Avenida Procópio Lima”, revela Lodetti. Cada lado da avenida teria mão única e mais estacionamentos transversais.

Conforme o secretário, alguns trechos das seis ruas que terão meia pista destinada a estacionamentos, deverão ser rotativos. “Defendemos a implantação da área azul, como uma solução para a falta de vagas no centro”, completa. Segundo ele, cerca de 120 comerciantes e donos de escritórios sempre estacionam nestas áreas, o que também é um agravante para a falta de estacionamentos na área central da cidade. “Nosso plano diretor está defasado. Temos que ter, além dos estacionamentos rotativos, alguns locais de estacionamento particular”, finaliza.

Fora do Centro, as mudanças poderão refletir também no bairro Jardim Silvana. Pela proposta da Secretaria de Obras, a Djalma Escaravaco será o principal acesso à comunidade, tendo o tráfego somente no sentido Centro/Elizabete. Para a saída do bairro, os veículos teriam que utilizar a 30 de Dezembro, que também seria em mão única, no sentido Elizabete/Centro.

Devem participar das discussões, a Câmara de Dirigentes Logistas (CDL), Associação Comercial e Industrial de Içara (Acii), Cânara de Vereadores e o Conselho Comunitário de Segurança de Içara (Conseg). Este último órgão, já tem a proposta da prefeitura nas mãos e devem dar o seu parecer até o dia 30 de agosto. Após a analise de todas estas entidades de representatividade da população, as alterações deverão ser encaminhadas ao prefeito, Heitor Valvassori.
+ Segurança
Participe também com seus comentários

últimas notícias
notícias mais lidas